Skip to main content

Site Motor1.com elogia desempenho da Amarok V6

O portal Motor1.com já dirigiu a Amarok V6 e publicou nesta semana uma resenha elogiando o desempenho da picape: nas palavras do repórter Leo Fortunatti, “quando o assunto for desempenho, não tem pra ninguém”. Confira parte do review abaixo ou acesse o conteúdo na íntegra aqui!

“Trata-se de um V6 de 3.0 litros com espaçamento de 90º entre as duas bancadas de cilindros e turbo de geometria variável, movido a diesel. É o mesmo usado pela Audi em modelos como o Q7, porém com calibração mais conservadora. São 225 cv de potência e 56,1 kgfm de torque, além de uma “mágica” chamada Overbooster, para a alegria da turma que tem o pé pesado. Com o recurso, são 20 cv a mais e até 4 kgfm extras que entram em ação por até 10 segundos quando aceleramos a fundo.”

“Digo que é bom ficar esperto com a Amarok V6 pois, de fato, ela vai se impor no desempenho. Para o teste, a marca preparou um trajeto pela Rodovia dos Bandeirantes (São Paulo), uma autoestrada larga e perfeita para ver como se comporta a picape média mais potente do país. Além do visual parrudo, que já impõe respeito nos demais motoristas da faixa da esquerda, toda a força e potência da Amarok ficam bem evidentes quando se está ao volante.

 

 

“Observe a rotações em que ocorrem os números de potência e torque e perceba que eles se cruzam, o que faz deste V6 um coração sempre batendo forte. Cravo o pé no acelerador na saída do pedágio e vejo que, se ali fosse uma pista de arrancada, daria trabalho até mesmo para alguns esportivos. Segundo a VW, a aceleração de 0 a 100 km/h requer apenas 8 segundos. Tiraremos a prova disso em nosso teste instrumentado em breve.”

“Um ponto já positivo na Amarok, seu conforto neste tipo de situação chama a atenção. Apesar de ter a suspensão firme, na estrada ela trata bem os passageiros. Para o motorista, oferece uma posição de dirigir confortável, bem próxima de um carro de passeio. O motor V6 deixa passar apenas aquele ronco característico dos ‘seis bocas’, e nada das ‘castanholas’ típicas dos diesel. Aos leigos, parece uma picape V6 a gasolina.”

“A Volkswagen espera não apenas oferecer uma nova versão, mas também ampliar as vendas da Amarok com o novo motor. De fato, os principais alvos são Chevrolet S10, com seus 200 cv e 51 kgfm de torque no 2.8 turbodiesel, e a Ford Ranger e os seus 200 cv e 47,9 kgfm de torque no 3.2 turbodiesel. Com preço competitivo diante da concorrência, só fica devendo alguns itens como airbags extras e tecnologias de condução, como piloto automático adaptativo e leitor de faixas, por exemplo. Mas, quando o assunto for desempenho, aí não tem pra ninguém.

Confira aqui o texto na íntegra!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *